Mensagem do Embaixador

 Embaixador António Costa Moura SITE

Caros compatriotas,

Caros amigos moçambicanos,

Apresentei hoje credenciais a Sua Excelência o Presidente da República de Moçambique, Filipe Jacinto Nyusi, iniciando assim funções como Embaixador de Portugal em Moçambique.

É com muita honra e gosto que a todos, sem distinção, dou as boas-vindas à página oficial da Embaixada de Portugal.

Para além de um espaço privilegiado de divulgação de informações, pretendo que esta página constitua um verdadeiro e permanente ponto de encontro, diálogo e proximidade entre Portugal e Moçambique. Aqui poderão encontrar diversos links institucionais e conhecer em mais pormenor as atividades promovidas pelo Centro Cultural Português, pela Cooperação Portuguesa e pela AICEP. 

Creio firmemente que mais interação cultural e mais cooperação entre os nossos agentes económicos - seja no comércio, no investimento ou do turismo - contribuirão decisivamente para o aprofundamento e afirmação dos seculares laços que nos unem, como Povos e Nações soberanas e independentes, tanto no plano bilateral, como no espaço lusófono, como à escala global.

Convido-vos, igualmente, a visitar a nossa página no Facebook (https://www.facebook.com/embaixadadeportugalemmaputo), onde atualizamos, com regularidade, informações com interesse para as comunidades portuguesa e moçambicana.

 

Com um fraterno abraço,

 

António Costa Moura

Embaixador de Portugal

 

24 de março de 2021

 

Assista aqui à mensagem de vídeo do Embaixador Costa Moura.

Consentimento Necessário

Este conteúdo incorporado de plataforma de terceiros foi desativado por não ter o seu consentimento.

Pode rever o seu consentimento para a categoria "Conteúdo de Terceiros" ou, em alternativa, carregar no endereço https://www.youtube-nocookie.com/embed/3TvVvMrH4cI para visualizar o vídeo diretamente na respetiva plataforma.

 

 

 

Recomendações COVID-19

 

Atendendo à evolução da situação do Covid-19, a Embaixada de Portugal em Maputo sugere que sejam seguidas todas as recomendações transmitidas pelas competentes autoridades moçambicanas, bem como, e em complemento, os Conselhos aos Viajantes e as recomendações da Direção Geral da Saúde de Portugal.

 

MOÇAMBIQUE - SITUAÇÃO DE EMERGÊNCIA de SAÚDE PÚBLICA

Leia o Decreto 14/2022, de 20 de abril, que revê as medidas para a contenção da propagação da Covid-19 em Moçambique.

 

 

 

Ligações úteis:

Ministério da Saúde de Moçambique: http://www.misau.gov.mz/

Contactos do Ministério da Saúde de Moçambique

 

PORTUGAL - Informação sobre deslocações e medidas em vigor

Com o objetivo de prestar informação sobre deslocações de e para Portugal continental no quadro da Covid-19 e as medidas em vigor, sugere-se leitura da informação constante nas seguintes ligações:

Deslocações para Portugal continental: https://portaldascomunidades.mne.gov.pt/pt/covid-19-viagens-para-portugal

Conselhos aos Viajantes: https://portaldascomunidades.mne.gov.pt/pt/conselhos-aos-viajantes/m/mocambique

Direção Geral da Saúde de Portugal: https://www.dgs.pt/corona-virus

Informação e Medidas Resposta ao COVID-19: https://covid19estamoson.gov.pt/

 

 

 

 

Consentimento Necessário

Este conteúdo incorporado de plataforma de terceiros foi desativado por não ter o seu consentimento.

Pode rever o seu consentimento para a categoria "Conteúdo de Terceiros" ou, em alternativa, carregar no endereço https://www.youtube-nocookie.com/embed/zNGULiNGcBY para visualizar o vídeo diretamente na respetiva plataforma.

Mais notícias Notícias

O Programa de Bolsas de Estudo Cooperação Portuguesa, dirige-se a cidadãos Moçambicanos para frequência em cursos de nível de Mestrado e Doutoramento em instituições públicas Portuguesas de ensino superior.

Candidaturas a Bolsas de Estudo para Formação em Portugal (Mestrado e Doutoramento)


Data limite para entrega de candidaturas: 06 de julho de 2022

Local de entrega de Candidaturas: Instituto de Bolsas de Estudo (ver morada no edital) ou nos Serviços Provinciais de Assuntos Sociais para quem se encontra nas Províncias fora de Maputo.


Documentos necessários para a candidatura:

  1. Cópia do documento de identificação do candidato (Passaporte ou Bilhete de Identidade) válido e autenticada pelo Cartório Notarial e certificadas/reconhecidas pela Direção Nacional dos Registos e Notariado (Ministério da Justiça, Assuntos Constitucionais e Religiosos) e pelo Ministério dos Negócios Estrangeiros e Cooperação.
  2. Carta de aceitação ou certificado de matrícula no respetivo curso, para os candidatos que iniciam a formação no ano letivo em que se candidatam autenticada pelo Cartório Notarial e certificadas/reconhecidas pela Direção Nacional dos Registos e Notariado (Ministério da Justiça, Assuntos Constitucionais e Religiosos) e pelo Ministério dos Negócios Estrangeiros e Cooperação;
  3. Cópia autenticada e devidamente reconhecida pelo Ministério da Educação e Desenvolvimento Humano do certificado de habilitações de Licenciatura e Mestrado, com discriminação das disciplinas, classificações e média (escala de 0 a 20 valores) e parecer do Orientador da Dissertação para os candidatos que já tenham concluído o 1º ano do respetivo curso de mestrado;
  4. Declaração da entidade empregadora, no país de origem, que ateste a utilidade da bolsa para a capacitação da própria entidade, quando aplicável;
  5. Formulário de candidatura CICL para o nível de Mestrado/Doutoramento e Declaração de Compromisso de Honra devidamente preenchidos e assinados pelo candidato. Disponível aqui.
  1. Declaração para efeitos de Propina disponível no site da Embaixada de Portugal em Maputo para os diferentes níveis:

           Mestrado (ver aqui)

           Doutoramento (ver aqui)

  1. Declaração de morada provisória em Portugal disponível no site da Embaixada de Portugal em Maputo; (ver aqui)
  2. Declaração de utilização de documentos de identificação, disponível no site da Embaixada de Portugal em Maputo; (ver aqui)

Edital de Abertura do concurso acessível aqui. (ver aqui)

 

Nível de Mestrado
- Subsídio mensal de manutenção: 710,00€;
- Subsídio anual de propinas: 1100,00€;
- Subsídio único de instalação: 275,00€.

 

Nível de Doutoramento
- Subsídio mensal de manutenção: 870,00€;
- Subsídio único de propinas: até 1650,00€;
- Subsídio único de instalação: 275,00€. (pago a todos/as os/as boleiros/as uma única vez, durante a duração da bolsa)

Contactos
Embaixada de Portugal em Maputo
Centro Português de Cooperação

Tel. (+258) 21 491616 | cooperacao.maputo@mne.pt

O Programa de Bolsas de Estudo Cooperação Portuguesa, dirige-se a cidadãos Moçambicanos para frequência em cursos de nível de Licenciatura em instituições públicas Portuguesas de ensino superior.

 

Candidaturas a Bolsas de Estudo para Formação em Portugal (Licenciatura)

Data  limitepara entrega de candidaturas:06 de julho de 2022

Entrega de Candidaturas: As candidaturas deverão ser no Instituto de Bolsas de Estudo de Moçambique (ver morada no edital) ou nos Serviços Provinciais de Assuntos Sociais para quem se encontra nas nas províncias fora de Maputo.

 

 

Documentos necessários para a candidatura:

  1. Requerimento dirigido à Diretora-geral do Instituto de Bolsas de Estudo;
  2. Cópia autenticada do documento de identificação do candidato (Passaporte ou Bilhete de Identidade) válido, legível e autenticada pelo Cartório Notarial e certificadas/reconhecidas pela Direcção Nacional dos Registos e Notariado (Ministério da Justiça, Assuntos Constitucionais e Religiosos) e pelo Ministério dos Negócios Estrangeiros e Cooperação. Nesta cópia deverá constar o seguinte texto: “Autorizo a utilização do documento de identificação para todos os procedimentos inerentes ao processo de atribuição/gestão de Bolsa de Estudo, no âmbito do Programa de Bolsas de Estudo Externas do Camões – Instituto da Cooperação e da Língua, IP”, devidamente assinado;
  3. Caso o candidato seja menor de idade, cópia autenticada do documento de identificação do representante legal do candidato (bilhete de Identidade) válido e procuração válida, devidamente autenticada pelo Cartório Notarial e certificadas/reconhecidas pela Direção Nacional dos Registos e Notariado (Ministério da Justiça, Assuntos Constitucionais e Religiosos) e pelo Ministério dos Negócios Estrangeiros e Cooperação e onde conste nos dados do representante legal do candidato (nome completo, nº de identificação, contacto telefónico e email);
  4. Cópia autenticada e devidamente reconhecida pelo Ministério da Educação e Desenvolvimento Humano dos certificados de habilitação da 10ª, 11ª e 12ª classe com discriminação das disciplinas, respectivas classificações e média (escala de 0 a 20 valores) e autenticada pelo Cartório Notarial e certificadas/reconhecidas pela Direção Nacional dos Registos e Notariado (Ministério da Justiça, Assuntos Constitucionais e Religiosos) e pelo Ministério dos Negócios Estrangeiros e Cooperação
  5. Outros documentos, designadamente, comprovativos de satisfação dos pré-requisitos, quando exigidos, designadamente se se tratarem de candidaturas aos Grupos C, H, I, K, M, R, S e Z. Para mais informações sobre este ponto por favor consultar a página da DGES: https://www.dges.gov.pt/guias/preq.asp?plid=593;
  6. No caso de cursos ao abrigo de concursos locais é obrigatório o envio de Declaração da Instituição de Ensino Superior portuguesa em como satisfaz os requisitos especiais de admissão;
  7. Atestado ou Declaração de que é nacional e residente no Estado de origem há, pelo menos, três anos consecutivos;
  8. Boletim de candidatura para BOLSA do Camões, IP, para o nível de licenciatura, e Declaração de Compromisso de Honra devidamente preenchido e assinado – Disponíveis em: BOLETIM DE CANDIDATURA/ RENOVAÇÃO A BOLSA DE ESTUDO PARA O NÍVEL DE LICENCIATURA (instituto-camoes.pt)
  9. Declaração de morada provisória em Portugal disponibilizada no site da Embaixada Portugal em Maputo, devidamente assinada; (ver aqui)
  10. Declaração autenticada comprovativa em como não possui nacionalidade portuguesa (Modelo DGES) devidamente autenticada Cartório Notarial e certificadas/reconhecidas pela Direção Nacional dos Registos e Notariado (Ministério da Justiça, Assuntos Constitucionais e Religiosos),  pelo Ministério dos Negócios Estrangeiros e Cooperação; (ver aqui)
  11. Declaração de utilização de documentos de identificação, disponibilizada no site da Embaixada de Portugal em Maputo, devidamente assinada; (ver aqui)

 

 

Edital de Abertura do concurso acessível aqui.

 

Nível de Licenciatura
- Subsídio mensal de manutenção: 380,00€;

- Subsídio Alojamento mensal: 50,00€
- Subsídio Anual de propinas: 697,00€; (Valor indicativo (valor habitualmente cobrado pelas universidades em 2020-2021). Nas licenciaturas, ao contrário dos mestrados e doutoramentos, a propina é paga na totalidade, independentemente do valor)

- Subsídio Anual Material didático: 165,00 € (Apenas se paga nas bolsas de licenciatura)
- Subsídio Instalação: 275,00 € (O Subsídio de instalação é pago a todos os bolseiros uma única vez, durante a duração da bolsa)

Contactos
Embaixada de Portugal em Maputo
Centro Português de Cooperação

Tel. (+258) 21 491616 | cooperacao.maputo@mne.pt

Consentimento Necessário

Este conteúdo incorporado de plataforma de terceiros foi desativado por não ter o seu consentimento.

Pode rever o seu consentimento para a categoria "Conteúdo de Terceiros" ou, em alternativa, carregar no endereço https://www.youtube-nocookie.com/embed/dtOMTPpocqk para visualizar o vídeo diretamente na respetiva plataforma.

Contactos

Av. Julius Nyerere, nº 720 / 730
4696 – 00110 - Maputo

(00258) 214 903 16 / 19 / 22
maputo@mne.pt

Mais informação

Ligações úteis

Botão Informação e Medidas Resposta ao COVID 19

Botão COVID 19 DGS

Botão COVID 19 Conselhos aos Viajantes

Botão Conferência Oceanos

Botão Centro Pedido Vistos

Botão normas e procedimentos de segurança

Guia do Cidadão Português

Botão Portal Diplomático

Orçamento Participativo Portugal

Espaço Portugal Moçambique

EMP logo

Logotipo AICEP - Portugal Global

Logotipo Turismo de Portugal

Websummit

Logotipo Portal das Comunidades Portuguesas

Registo Viajante

Logotipo Camões - Instituto da Cooperação e da Língua

Lisboa Capital Iberoamericana da Cultura

Igualdede de Género

Diário da República

Instituto Diplomático

Logotipo Carreiras Internacionais

Logotipo Portugal Economy Probe

Portugal 30 anos na União Europeia

PORDATA